Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

As Andreias

Somos amigas, por vezes loucas, e temos muito para contar das nossas vidas e do nosso dia-a-dia! Com famílias, trabalhos, e tudo o resto de uma vida "normal", embarcamos em mais uma aventura: licenciatura!

Somos amigas, por vezes loucas, e temos muito para contar das nossas vidas e do nosso dia-a-dia! Com famílias, trabalhos, e tudo o resto de uma vida "normal", embarcamos em mais uma aventura: licenciatura!

As Andreias

14
Jun20

Aulas à distância – o drama, a tragédia, o horror (mas não só)

Isto são relatos reais 😂

Andreias

Temos pensado e falado no nosso blog imensas vezes. Temos tanta vontade de escrever e sobre tantos temas, mas parece que, cada vez mais, temos menos tempo para as coisas. E porquê?? Porque andamos com mil e uma coisas por fazer e sem tempo para nada… 😐 Só para terem noção, este post estava para ser feito há mais de uma semana… que desastres!

Mas vamos ao início! 😅 Esta pandemia obrigou-nos a abrandar em certas coisas, mas noutras veio claramente pôr-nos à prova. “Ah e tal, ficam a trabalhar em casa, e têm aulas em casa…. E tudo em casa…” aaah!! “CASA” é a palavra chave e, tal como tudo, tem o lado bom e o lado mau.

No que respeita ao teletrabalho, temos as mesmas queixas que todos os outros: os miúdos precisam de ajuda nos trabalhos, os animais de estimação não compreendem o conceito de “faz de conta que não estou cá”, recebemos muito mais chamadas do que seria habitual, e acabamos por ficar agarradas ao computador até muito mais tarde e com a sensação de que não fizemos nem metade do que havia para fazer. Tudo normal. Tudo bem, aceitamos isso e não resmungamos.

Em relação às aulas, nem toda a gente passa por isso, e sorte de quem não passa! Ter aulas em casa é giro, é diferente, e é muuuuito mais trabalhoso. Sim, é! E não vale a pena estar a dizer que se faz super bem e que temos conseguido conciliar tudo às mil maravilhas, porque se o fizéssemos estaríamos a mentir. Para dizer a verdade, andamos a mil, sem saber para onde nos devemos virar e em que vamos pegar primeiro. É o trabalho de grupo A ou o B? Ou os exercícios? Ou os relatórios? Ou estudamos apenas? AAAAAHHHHH!! (inspirando profundamente antes de continuar a escrever). 😲        

Este trimestre está a ser uma verdadeira loucura, e pela primeira vez sentimos que não estamos a conseguir acompanhar o ritmo. Todas as semanas temos trabalhos para entregar, temos de estudar, etc. Para conseguirmos fazer tudo em condições, temos de estar mega atentas às aulas, e isso nem sempre é fácil.  😳

Nas aulas presenciais, estamos fechadas numa sala, ouvimos os professores, tiramos apontamentos, levantamos a mão e colocamos perguntas…estamos lá para isso. Mas as aulas em casa elevam isto a outro nível. Não é que não possamos colocar questões nem tirar apontamentos. Nada disso. Mas a nossa atenção é puxada para outras coisas que acontecem à nossa volta e, entretanto, já perdemos 2 minutos da explicação, depois demoramos mais 1 minuto a conseguir desativar o mute, e quando vamos colocar a questão, já nem sabemos o que queríamos perguntar, porque já ouvimos mais 3 minutos de explicação, e já passaram mais 5 slides…😱 ou então conseguimos desativar, mas ao mesmo tempo mais colegas querem colocar questões e acabamos por falar todos ao mesmo tempo 😅 É isto! Tirar apontamentos continua a ser possível, mas é muito fácil fazer um printscreen do exercício que está a ser resolvido para depois não nos esquecermos de como se faz. Problema: quando vamos estudar, tentamos juntar os “gatafunhos” que temos nas nossas folhas com os prints que tirámos e o resultado é “null” (isto foi só para dizer que estamos a ter aulas de programação😅 mas não se iludam. Temos aulas disso… não significa que saibamos mais do que o significado de null! 😂 null=Andreias hahahahah desculpem! 🤦).

Sentimos falta de estudar em conjunto presencialmente, de fazer testes “normais” com papel e caneta entre outras coisas (e ao escrever isto parecemos pessoas muito “antigas” 😅).

Talvez o problema seja nosso, até porque pela nossa perceção, a maioria dos colegas está a dar-se bem com isto. Ou então não, e se calhar percebemos mal. Não sabemos…

Apesar de tudo, continuam a haver momentos divertidos entre colegas, brincadeiras, piadas, e aqueles momentos em que alguém não desliga o micro e começamos a ouvir conversas paralelas 😂 faz tudo parte!

 

A Pinto hoje lembrou-se de que é dia 14 de junho (até porque a Simão já não sabe a quantas anda). Faz hoje um ano, estávamos um pouco mais nervosas do que hoje. Foi o dia em que fizemos o exame de admissão. A Simão mal respirava, já a Pinto estava como se nada fosse. 😂 se nos dissessem nesse dia que até nos estávamos a safar, que estávamos a ter aulas em casa, que tínhamos criado um blog para desabafar sobre como isto está a correr, e que já teríamos feito tantas outras coisas, nós não íamos acreditar. Tem sido um ano louco, mas incrível!

Olhem bem para nós antes de entrar para o exame 😂

Prova.jpg

 

 

Este é o último trimestre do primeiro ano de curso. Como assim, está a chegar ao fim??? 😱. Daqui por menos de um mês, assumindo que corre tudo bem, já dissemos “Adeusinho!” ao primeiro ano. 😅 E depois até às férias é um instante e podemos relaxar. 😎 (ahahahah “relaxar” dizem elas... ‘tá bem ‘tá! 😅).

 

Por aqui vamos continuar a olhar para os trabalhos, até porque não há nada melhor para fazer a um Domingo… nada mesmo! 😐

 

Beijinhos,

As Andreias

Mais sobre nós

foto do autor

Sigam-nos

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D